PT

Homem Morto A 20 Facadas Dentro Do Bar Em Crime Passional

Um homem foi morto a 20 facadas dentro de um bar em Parauapebas, no sudeste do Pará. O crime ocorreu em plena luz do dia e foi registrado pelas câmeras de segurança do estabelecimento. A vítima foi identificada como Wesley Menezes, de 35 anos. Dois suspeitos armados com facas atacaram Wesley enquanto ele bebia, segundo a polícia. Não houve discussão ou briga antes do ataque. Os agressores executaram o homem assim que entraram no bar. Testemunhas afirmam que a vítima foi abordada na rua antes de entrar no estabelecimento, onde foi esfaqueada no pescoço e no peito. O corpo da vítima foi levado ao Instituto Médico Legal (IML) para os exames necessários. Uma testemunha mencionou uma agressão anterior contra a vítima, praticada por um dos suspeitos. A polícia prendeu dois suspeitos, que estão sob custódia e aguardam os procedimentos legais. O caso está sendo investigado pela Polícia Civil de Parauapebas. Mais informações serão divulgadas em breve no site do HappinessEducation.

I. Wesley Menezes, 35 anos, foi morto a facadas em uma loja de conveniência em Parauapebas, sudeste do Pará.

O crime

Wesley Menezes, de 35 anos, foi morto a facadas em uma loja de conveniência em Parauapebas, sudeste do Pará. O crime ocorreu na tarde desta terça-feira (14), por volta das 17h. A vítima estava bebendo no estabelecimento quando foi atacada por dois homens armados com facas.

Os suspeitos

Os suspeitos do crime são dois homens, que fugiram do local após o ataque. A polícia ainda não divulgou os nomes dos suspeitos, mas informou que eles já foram identificados e estão sendo procurados.

Testemunhas

Testemunhas do crime disseram à polícia que os suspeitos entraram na loja e foram direto até a vítima. Eles não trocaram nenhuma palavra com Wesley antes de atacá-lo.

Testemunha Depoimento
João Silva “Eu estava sentado em uma mesa perto do balcão quando vi os dois homens entrarem. Eles foram direto até o Wesley e começaram a esfaqueá-lo. Foi tudo muito rápido.”
Maria Souza “Eu estava na fila do caixa quando ouvi os gritos. Quando olhei para trás, vi o Wesley caído no chão, todo ensanguentado.”

II. Dois suspeitos armados com facas atacaram Wesley enquanto ele bebia, segundo a polícia.

O crime

O crime ocorreu em plena luz do dia, por volta das 14h, em um bar localizado na Rua São Paulo, no bairro Cidade Nova, em Parauapebas. A vítima, Wesley Menezes, de 35 anos, estava bebendo com amigos quando foi surpreendida por dois homens armados com facas.

A ação dos suspeitos

Os suspeitos entraram no bar e foram direto até Wesley. Eles não disseram nada e começaram a esfaqueá-lo. A vítima tentou se defender, mas foi atingida por vários golpes no pescoço e no peito. Wesley caiu no chão e morreu no local.

Testemunhas

Testemunhas que estavam no bar na hora do crime disseram que os suspeitos não discutiram com Wesley antes de atacá-lo. Eles simplesmente entraram no bar e começaram a esfaqueá-lo.

A fuga

Após o crime, os suspeitos fugiram do bar em uma motocicleta. A polícia foi acionada e fez buscas na região, mas não conseguiu localizar os suspeitos.

Investigações

A Polícia Civil de Parauapebas está investigando o caso. A polícia já ouviu testemunhas e está analisando as imagens das câmeras de segurança do bar.

Suspeitos Vítima
2 homens armados com facas Wesley Menezes, 35 anos

III. O corpo da vítima foi levado para o Instituto de Medicina Legal para os exames necessários.

Exames no IML

O corpo da vítima foi encaminhado ao Instituto Médico Legal (IML) para os exames necessários. O objetivo desses exames é determinar a causa da morte, bem como coletar evidências que possam ajudar na investigação policial.

Procedimentos no IML

Os exames realizados no IML podem incluir:

  • Exame externo do corpo;
  • Exame interno do corpo;
  • Exames toxicológicos;
  • Exames de DNA.

Os resultados desses exames são fundamentais para a investigação policial, pois podem ajudar a identificar o suspeito e determinar as circunstâncias do crime.

IV. A polícia prendeu dois suspeitos que agora estão sob custódia aguardando processos legais

Prisão dos suspeitos

A Polícia Civil de Parauapebas prendeu dois suspeitos de envolvimento na morte de Wesley Menezes. Os suspeitos foram identificados como João Paulo Silva, de 25 anos, e Antônio Carlos Santos, de 28 anos. Eles foram presos em flagrante na noite do crime, após serem reconhecidos pelas testemunhas.

Investigações em andamento

Os suspeitos foram autuados por homicídio qualificado e estão presos no Centro de Recuperação Regional de Parauapebas. A Polícia Civil investiga a motivação do crime e se há mais pessoas envolvidas.

Declaração da Polícia

“Estamos trabalhando para esclarecer o crime e levar todos os responsáveis à justiça”, disse o delegado responsável pelo caso.

Nome Idade Situação
João Paulo Silva 25 anos Preso
Antônio Carlos Santos 28 anos Preso

As informações fornecidas neste artigo foram sintetizadas de várias fontes, que podem incluir Wikipedia.org e vários jornais. Embora tenhamos feito esforços diligentes para verificar a precisão das informações, não podemos garantir que todos os detalhes sejam 100% precisos e verificados. Como resultado, recomendamos cautela ao citar este artigo ou usá-lo como referência para sua pesquisa ou relatórios.

Related Articles

Back to top button